Arquivo | Visitas RSS feed for this section

Com chave de ouro

9 dez

No decorrer da última semana, seis escolas fecharam a série de visitas ao GCN Comunicação em 2010. Desde a quarta-feira, 1º, cinco turmas de estudantes passaram pelas instalações da empresa e puderam conferir de perto cada processo envolvido na produção do Comércio da Franca e na elaboração do conteúdo transmitido pela rádio Difusora.

O 5º ano “D” da Escola Municipal “Professor Domênico Pugliesi” foi a primeira classe a conhecer a empresa. Acompanhadas das professoras Maria Elisabete Moreira Narciso e Michele das Graças Rodrigues, as crianças participaram de uma breve conversa sobre os gêneros jornalísticos e os vários tipos de caderno de um jornal, no auditório “Jornalista Corrêa Neves”. Após assistirem a um vídeo institucional, passaram por vários setores do GCN, aprendendo a função de cada um deles. Talison Gabriel de Abreu Melo, 11, é leitor assíduo do caderno Esporte e disse ter adorado conhecer o lugar onde ele é escrito. Além disso, contou ter gostado bastante de ver uma de suas colegas falando ao vivo na rádio Difusora. “Eu ri demais!”, disse às gargalhadas.

Após a visita da “Domênico”, o GCN recebeu outras quatro turmas: os quintos anos “A” e “D” da Escola Municipal “Professora Maria Brizabela Bruxelas Zinader”, o 5º ano “A” da Escola Municipal “Professor Nelson dos Santos Damasceno” e o 3º ano do ensino fundamental do Colégio Jesus Maria José.

Para a professora Vanessa Vilela Castro, da “Nelson Damasceno”, que trabalhou o jornal com seus alunos como forma de incentivo à leitura, ter contato com o ambiente em que o informativo impresso é produzido foi muito importante para sua turma. “O passeio voltou os olhares destas crianças para o jornal de uma forma bem legal. Tudo ampliou bastante o conhecimento delas”, disse. Ao final do passeio, as crianças receberam lanches fornecidos pela padaria Estrela e pelos Laticínios Jussara.

Anúncios

Com olhos bem atentos

17 nov

Gabriel Rodrigues da Silva, 11, é aluno do 5º ano “C” da Escola Municipal “Professor José Mário Faleiros”. Na última quarta-feira, o estudante passou pelas instalações do GCN (Grupo Corrêa Neves de Comunicação) com sua turma para conhecer um pouco do cotidiano dos profissionais do Comércio da Franca e da rádio Difusora. Durante cerca de duas horas, Gabriel e seus colegas foram monitorados pela coordenadora do Projeto Jornal Escola, Lívia Inácio, e conheceram cada departamento da empresa. No início do passeio, assistiram a um vídeo institucional, que apresentou detalhes interessantes da história da rádio e do jornal. Também participaram de uma breve conversa sobre os diferentes tipos de texto presentes em um informativo impresso e perguntaram tudo o que sempre quiseram saber a respeito do trabalho dos jornalistas.O aluno disse ter ficado surpreso com tudo o que conheceu. “Nunca vou me esquecer das coisas que aprendi aqui.”, disse.

A professora da classe, Vanessa Rezende, acredita que a visita despertou a curiosidade das crianças para temas que não são abordados com muita freqüência em sala de aula, como os diversos cadernos de um jornal, por exemplo, já que a maior parte dos educadores tem como foco os textos literários.

Na tarde de ontem, o GCN recebeu também 35 crianças da Infacape (Instituição Família Cavalheiro Caetano Petráglia), com idades entre 8 e 11 anos. Acompanhados pelas educadoras Eva Vilma da Silva, Mismara Matias, Lidiane Machado e Adriana Gomes Marcelo, os estudantes conheceram desde a redação, onde são produzidos os textos do jornal,até a máquina que imprime o Comércio da Franca. O parque gráfico foi o que mais chamou a atenção de Jader Anthero da Silva,8. “Seria muito bom que outras crianças pudessem conhecer a gráfica do jornal como eu.”, disse. Ao final do passeio, as turmas receberam lanches fornecidos pela Padaria Estrela e pelos Laticínios Jussara, além de brindes do Projeto Jornal Escola.

Surpresa

17 nov

Na tarde da última quinta-feira, recebi uma das melhores surpresas da minha vida. Durante estes últimos dois meses, tenho visitado com frequência as escolas parceiras do Projeto Jornal Escola e, no dia 11, fui dar uma passadinha pela Escola Estadual Professor José Carlos Donadelli Panice.

Logo quando cheguei acompanhada do fotógrafo Rafael Andrade, fui muito bem recepcionada na sala dos professores, onde meu colega e eu tomamos até um lanchinho. Quando passamos pelo corredor que dá entrada  ao pátio da escola, nos deparamos com um púlpito todo decorado com cortininhas feitas de jornal e, sobre ele, havia uma pasta com todas as páginas do jornalzinho da José Carlos Panice, confeccionado por todas as turmas da escola. Uma gracinha!

Enquanto eu observava o jornalzinho, uma turminha da 4ªsérie que havia visitado o Comércio e a Difusora me cumprimentou e, um menininho até me presenteou com balinhas coloridas. Depois disso, a professora Viviane Santiago Couto Rodrigues, que já havia levado seus aluninhos para visitar o Grupo Corrêa Neves de Comunicação passou por mim, com as crianças da 4ª série “F” e chamou-me até a sua sala.” Temos uma surpresa para você!”, dizia a meninada empolgada.

Não pude conter minha euforia. Entrei na sala da professora Viviane e antes que eu começasse a cumprimentar as crianças, já recebi presentinhos, que iam desde cartinhas e flores até balinhas e chocolates. A 4ª “F” agradeceu a recepção que teve no GCN de maneira tão graciosa, que até agora estou meio boba e sem jeito me lembrando de tudo. Mas o mais importante para mim foi o abraço de cada criança, porque me fizeram sentir o quão sincera era aquela homenagem. Fiquei muito, mas muito feliz!

Nesse post, eu quero agradecer por o todo carinho com o qual a professora Viviane e a turminha da 4ª série “F” nos recebeu naquela tarde inesquecível. Quero agradecer à equipe gestora da escola e a todos os professores, que desde o início do ano tem se empenhado em trabalhar com o Projeto Jornal Escola. Aproveito para agradecer também a todas as outras 11 escolas públicas que estão conosco nesse projeto.É com muita satisfação que visito cada escola, porque sei que sempre encontrarei coisas novas e, acima de tudo, olhinhos de crianças contentes que tem , a cada dia, a oportunidade de descobrir o mundo abrindo a janelinha de conhecimento por meio do jornal que os professores inserem em sala de aula.

Professora Viviane Rodrigues e a turminha da 4ª série "F"

Vocês, educadores, podem estar certos de que o cadeado da janelinha permaneceria trancado para sempre, se vocês não se dispusessem a usar a chave mágica da sabedoria, que somente os mestres podem carregar dentro do bolso.

Espero que nossa parceria continue escancarando vidraças diante destas crianças em cujas mãos estará o desafio de construir um mundo bem mais bonito de se olhar.

Um abraço,

Lívia.

Conhecendo o jornalismo

10 nov

“Ah, não! Já vamos embora?”, foi o que perguntou Euler Novato da Silva, 9, a sua professora, quando entrou no Auditório “Jornalista Corrêa Neves”, na sede do GCN (Grupo Corrêa Neves de Comunicação), para se despedir da equipe da empresa e receber um brinde do Projeto “Jornal Escola”, na tarde de ontem. O estudante da Infacape (Instituição Família Cavalheiro Caetano Petráglia) faz parte de uma das três turmas que visitaram as instalações da Rádio Difusora e do Jornal Comércio da Franca para conhecer um pouco sobre os bastidores do mundo da notícia. O menino, que cursa a 4ª série, contou ter achado o passeio muito divertido. “Dá vontade de ficar mais um pouquinho conhecendo mais coisas. Aqui é muito legal!”.

A 4ª série “A”, da Escola Estadual “Celso Toledo” e o 5º ano “B” da Escola Municipal “José Mário Faleiros” também visitaram o GCN. Durante cerca de duas horas, foram monitorados pela coordenadora do Projeto “Jornal Escola”, Lívia Inácio, e puderam passar por cada departamento do grupo, descobrindo como se faz um jornal e como se produz, diariamente, o conteúdo para uma rádio.

A professora Vanessa de Oliveira Borini, da Escola “Celso Toledo”, acredita que a visita tenha sido bastante significativa para as crianças. “Elas aprenderam, já no começo do passeio, quais são os tipos de texto encontrados em um jornal, a divisão em cadernos e isso foi muito bom para elas. Além disso, toda a excursão pela empresa foi importante, pois elas notaram que, aqui, um setor sempre está ligado a outro.”, disse. Ao final da visita, as crianças receberam lanches fornecidos pela Padaria Estrela e pelos Laticínios Jussara.

Uma visita empolgante

4 nov

Na última sexta-feira, dia 29, Raul Cintra, 9, disse aos colegas de classe que chegaria em casa muito contente naquela manhã. Além de contar à família que havia visitado o GCN (Grupo Corrêa Neves de Comunicação) com sua turma da escola, ressaltaria que, na próxima semana, seu nome sairia no jornal. O aluno da Escola Municipal “Professor César Augusto de Oliveira” foi um dos 120 estudantes que conheceram as instalações do GCN desde o último dia 27 e aprenderam como trabalha uma equipe que integra jornal, rádio e internet em uma só redação. Gerson Pires Barbosa, 12, também aluno da “César Augusto”, contou ter gostado de passar pelo acervo do Comércio da Franca, onde viu exemplares antigos.

Além das crianças da Escola “César Augusto”, os alunos do 1º ano “B” da Escola Municipal “Professora Odete do Nascimento”, do 5º ano “B” da Escola Municipal “Maria Brizabella Bruxelas Zinader” e do 4º e 5º anos “F” da Escola Estadual “José Carlos Donadelli Panice” também conheceram um pouco sobre os bastidores da Rádio Difusora e do Jornal Comércio da Franca.

Lucas Natanael Fernandes Silva, 10, ficou encantado com a estrutura dos estúdios da rádio e disse ter gostado muito de ver de perto a máquina que imprime o jornal. “É muita tecnologia!”.

A professora Viviane Santiago Couto Rodrigues, da Escola Estadual “Professor José Carlos Panice”, trabalhou o jornal com seus alunos durante todo o ano de 2010 e acredita que o passeio tenha sido muito importante para a sua turma porque foi a conclusão de seu projeto em sala de aula. “Mostrar como funciona tudo isso para as crianças é muito bom!”, disse.

Ao final do passeio, todos receberam lanches fornecidos pela Padaria Estrela e Lacticínios Jussara.

Um mundo de novidades

27 out

Marlene Pereira é professora na Escola Estadual “Professor José Carlos Panice”. Na última quarta-feira, dia 20, a educadora trouxe 29 alunos para conhecer as instalações do GCN (Grupo Corrêa Neves de Comunicação) e descobrir todo o processo de produção do Jornal Comércio da Franca e de conteúdo para a programação da Rádio Difusora. Durante duas horas, as crianças da 4ª série “D” e da 3ª série “E” passearam pelos corredores da rádio e do jornal e acompanharam de perto o trabalho da equipe do GCN. Marlene disse ter gostado muito da experiência, pois, embora as crianças já tivessem contato com o jornal em sala de aula, ver como tudo é feito aumentou ainda mais o interesse delas pela leitura. “Eles ficaram apaixonados por tudo o que viram e aprenderam!”, disse.

Bruno César de Azevedo, 10, ficou encantado ao passar pelo parque gráfico da empresa. “O rolo de papel que imprime o jornal é muito grande! Conhecer essa gráfica foi muito legal!”, contou empolgado.

O GCN Comunicação também recebeu visitas de estudantes na segunda e na terça-feira. Mais de 60 alunos das Escolas Municipais “Professor José Mário Faleiros” e “Professora Odete do Nascimento” passaram pelo Grupo Corrêa Neves e descobriram um pouco do que acontece nos bastidores da notícia.

Yuri Gabriel Lima, 6, da “Odete do Nascimento”, falou ao vivo no Programa Show da Manhã, com Valdes Rodrigues, e saiu muito contente do estúdio. “Achei o Valdes muito legal. Não sabia que a rádio era daquele jeito”, disse.

Ao final do passeio, os alunos receberam lanches fornecidos pela Padaria Estrela e pelos Lacticínios Jussara.

Diversão e aprendizado

20 out

“Uma delícia de passeio!”. Foi assim que Daniela Alves Lobato, 10, aluna da Escola Estadual “José Carlos Donadelli Panice”, definiu a visita que fez ao GCN (Grupo Corrêa Neves de Comunicação) com a turma da sua sala, na semana passada. Acompanhados da professora Milena Cortez e monitorados pela coordenadora do Projeto Jornal Escola, Lívia Inácio, os alunos da 4ª série “B” e “C” conheceram todos os departamentos do grupo e ficaram admirados ao passarem pelo parque gráfico do Comércio da Franca. Antes do passeio, Daniela achava que o jornal fosse fácil de fazer. “Quando descobri que vocês precisavam de uma máquina grandona para imprimir tudo, fiquei surpresa. Achei legal saber também que ela veio da Índia. É uma máquina internacional!”.

O GCN recebeu outras quatro turmas da Escola “José Carlos Panice”, do Jardim Panorama. Pedro Henrique Santos, 9, fez o passeio com o 4º ano “G” e também se surpreendeu com a rotativa do Comércio. O aluno gostou tanto do passeio que quer voltar outras vezes.”Vou sentir saudades”, disse, após se despedir dos profissionais do GCN. As professoras Marisa Machado Garcia e Valéria Hang acreditam que a visita ao grupo foi muito produtiva para seus alunos, pois as crianças, entrando em contato com a prática, se interessaram mais pelas atividades de leitura que são passadas às turmas de maneira teórica.

No decorrer das últimas três semanas, cerca de 180 crianças passaram pelo GCN. Os alunos conheceram o processo de produção do jornal, aprenderam sobre a integração entre jornal, rádio e portal de internet e fizeram uma pausa no refeitório, onde ganharam lanches fornecidos pela Padaria Estrela e pelos Laticínios Jussara.